Frequentar brechó no inicio era uma curiosidade, depois virou hobby, rotina e hoje é também meu trabalho. Ao longo desse tempo se aventurando nos brechós da vida, descobri o quanto garimpar é prazeroso, mas também exige tempo e muita dedicação, então hoje eu separei algumas dicas que aprendi durante esse tempo e que eu levo em consideração na hora de sair por aí garimpar.

 

– Tenha paciência (e tempo)

O brechó é aquele lugar inesperado, geralmente tem de tudo um pouco, peças de vários estilos, cores, modelagens, não tem vendedoras para achar seu tamanho ou peça do seu desejo. Portanto o trabalho é todo seu, e exige tempo e paciência, nem sempre a peça desejada aparece na primeira vez que você vai ao brechó, ou às vezes aparece algo que você nem imaginava encontrar e aí é que vem a segunda dica.

 

– Prove as peças

A maioria dos brechós hoje, possuem provadores o que é ótimo e nos dá a oportunidade de ver melhor a peça e como ela fica no nosso corpo. Mesmo a peça sendo vintage e super descolada vale a pena ver como ela fica em você, para não ser só mais um peça guardada no fundo do seu guarda-roupa depois, no último post falei sobre pensar nas possibilidades de usar a peça escolhida com o que você já tem e assim agir conscientemente na compra, mesmo que ela seja de R$ 5 reais.

 

– Avalie os detalhes

As peças do brechó são usadas, algumas muito usadas e outras nem tanto, até é possível encontrar peças novas, mas vale a pena avaliar bem a roupa e ver se não tem algum rasgo ou desgaste, algum botão que precisa trocar, zíper para arrumar. Na maioria desses casos vale a pena levar a peça e fazer o ajuste, pois mesmo assim compensa no final.

 

– Não compre por impulso

Essa dica não é só para compras no brechó hein?! É muito fácil agir por impulso quando vamos ao brechó, peças baratinhas, coisas legais, mas devemos pensar que nem sempre elas podem ser úteis. Falo isso por experiência própria, de quem já comprou muito e depois mandou para o brechó novamente por não usar. Hoje eu procuro pensar bastante antes de levar qualquer peça, e analisar se já não tenho algo semelhante ou se aquela peça vai combinar com peças que já tenho, além de você conseguir fazer uma compra consciente você evita de ter um acumulo de peças que talvez nem chegue a usar.

Espero que essas dicas possam dar um help na hora das suas compras, e se quiser me chamar para garimpar também, vamos! No próximo post eu vou listar os brechós legais que já encontrei por aí, e também alguns que já comprei pela internet.

Beijos

Você Também Pode Gostar

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *